Em reunião ordinária neste dia 30 de agosto, o vereador Luisinho (SOLIDARIEDADE) comemorou a aprovação do PL de autoria do executivo municipal de Bezerros que atende diversas categorias da saúde com incentivo financeiro de acordo com desempenho. “Precisamos comemorar essa primeira conquista, mais desafios maiores estão por vir”, destacou o parlamentar em sua fala em plenário.

Ao se referir sobre os problemas milionários da previdência municipal que chegam a girar em torno de um déficit de R$ 42 milhões por informações repassadas pela administração executiva, Luisinho enfatizou que o problema teria se agravou por falta de uma política atuarial concreta, e por movimentações equivocadas do dinheiro do aposentado e pensionista.

Em outros momentos no uso da tribuna, o vereador cobrou da casa a instituição de uma comissão para investigar a saúde financeira do departamento a fim de buscar saídas efetivas e resolutas ao regime previdenciário, demanda esta que até o momento não foi colocada em pauta pela mesa da casa. Em (27) de Abril de 2021, no primeiro semestre Legislativo, já foi discutido a possibilidade de abertura de uma comissão para investigar o “rombo” do IPREBE, herdado para a gestão atual, mas apenas 5 vereadores apoiaram, que foram Luisinho, Eduardo (autor), Vando, Ade e Jr do Boi Gordo.

 “Percebo que medidas populistas são tomadas por alguns colegas, mas, poucos somam ao nosso grupo para investigar o que houve com o IPREBE, tentar ajudar na solução e punir os envolvidos. Parece que esse problema as pessoas não querem discutir por algum motivo que ainda não sei, disse Luisinho do Sindicato a Redação PH Bezerros.

Por fim, o projeto segue para sanção da prefeita Lucille Laurentino, que, segundo o vereador, já sinalizou ser sensível com as classes e entende que o município aumenta sua atuação na saúde com a satisfação dos colaboradores e mais investimentos que irão por vir com a aprovação do “Previne Brasil”.

 

✓ Informações da Assessoria Parlamentar