Segundo o Vereador, reuniões individuais não estão trazendo resultados positivos

 

Em sua fala no plenário da casa legislativa na última reunião ordinária (27/04) o vereador Luisinho (SOLIDARIEDADE) deu ênfase que desde o início dos trabalhos legislativos a câmara foi quase unânime em solicitar audiência pública com a Compesa e a Empresa SCAVE que vem realizando a implantação do serviço Estadual de saneamento e coleta dos esgotos.

Luisinho deu destaque que a solicitação de audiência pública consta no regimento interno da casa e que visitas bilaterais não estariam trazendo resultados efetivos na cidade.”Solicitamos o regimento interno da casa e vereadores fazem agendas individuais Compesa/SCAVE e não temos um retorno do que foi deliberado. A Compesa precisa vir dar esclarecimentos sobre essa situação”, disse o vereador.

As obras que chegaram ao centro vem trazendo ainda mais transtornos atingindo diretamente o comércio e os feirantes. Sobre o tema, Luisinho alertou: nos últimos 10 dias, o comércio da cidade está sendo atingido e os feirantes também com as obras da empresa.

Por isto, o vereador solicitou ao Presidente da câmara Emanuel (PSD) a convocação da audiência pública com a Compesa como consta no regimento interno da casa. “O momento é de convocar regimento interno da casa com autoridade do presidente de promover a audiência pública aqui para que os vereadores questionem de forma coletiva já que as agendas individuais não estão trazendo retorno positivo nenhum e a gente não sabe o que está sendo tratado lá”, encerrou o Vereador.

O presidente da Câmara Emanuel afirmou na presente reunião que a audiência com a Compesa será convocada o mais breve possível para prestação de esclarecimentos e cronograma aos Vereadores e população.

 

Redação: PH Bezerros

Publicado por: Rômulo Pedro