Foto: Facebook/Reprodução

 O governador Paulo Câmara receberá na próxima terça-feira (21), às 11h, a família da menina Beatriz, assassinada há seis anos, em Petrolina. Além do governador, participarão da audiência o secretário de Defesa Social, Humberto Freire, e o chefe de Polícia Civil, Nehemias Falcão.

Nas cidades que Lucinha Mota vem passando em caminhada por justiça e pela federalização do caso que ainda não foi solucionado vem causando diversas manifestações de forma espontânea por populares que se sensibilizaram pela brutalidade do crime contra a pequena beatriz. Beatriz Angélica foi encontrada morta aos 7 anos com 42 marcas de facadas pelo corpo em escola particular em Petrolina.

Em Bezerros, sua passagem esta programada para o dia 24 de dezembro, podendo haver flexibilização de data e horário, o grupo que acolherá Lucinha no município já se organiza para participação em dois momentos:

“Estamos organizando um grupo para se encontrar com Lucinha em encruzilhada e caminhar até a praça da Matriz, no segundo momento estamos organizando junto com a assistência Social, Coordenadoria da Mulher, Cras, Creas e Igreja Católica na pessoa do padre Luiz Antônio. Na oportunidade iremos realizar orações e protestar contra o caso, que já deveria ter sido federalizado, declarou Luisinho do Sindicato”.

A prefeita Lucielle apoiou a causa e deve encontrar com o grupo em alguma oportunidade. A mesma já destinou apoio ao grupo que irá percorrer mais de 900 km até chegar em Recife.

 

Redação PH Bezerros

informações: Diario de Pernambuco