Grupo #MaesComAcao#

Somos um grupo de mães e responsáveis por crianças e adolescentes com necessidades especiais.

Mães e responsáveis por crianças e adolescentes com necessidades especiais se unem em grupo para exigir melhor atenção do poder público executivo de Bezerros, principalmente no que se refere a área da saúde  do município que permanece deficitária a anos. O grupo também alerta para falta de medicamentos e insumos, alguns até garantidos por ordem judicial.

O grupo reforça e afirma descaso que persiste para com as crianças especiais de Bezerros. “Todas buscamos a mesma coisa, que é atendimento de qualidade. Estamos cansadas de recorrer tratamento em Recife ou ficar dois anos de espera para nossa criança ser encaminhada a um neuropediatra. Já estamos a quase 3 meses nessa luta cobrando, e graças a Deus, no dia 12 tivemos uma reunião com a prefeita onde ela garantiu estar contratando um neuropediatra. Não foi uma das reuniões mais amigáveis, mas não vamos desistir de exigir o direito das nossas crianças”, disse uma das mães.

Confira nota completa do grupo mães com ação:

Cansadas de esperar pelo poder público, decidimos exigir nossos direitos . Há anos estamos sofrendo com o descaso quando se trata das crianças especiais. Estamos buscando os nossos direitos assim como nos assegura todas as leis e também a constituição Brasileira .

Após várias reuniões e reivindicarmos um neuropediatra por exemplo, onde chegamos a ficar dois anos na fila de espera para ser encaminhado a cidades vizinhas, conseguimos que o poder público contratasse um neuropediatra para atender as crianças de Bezerros . Não só isso, como também buscamos educação com profissionais de qualidade e medicação. Muitas crianças estão sem medicação devida a falta de insumos, algumas garantidas pelo ministério público .

Outra luta constante é o tratamento com profissionais no centro de reabilitação. Existe uma fila de espera para fono com mais de 100 crianças, o que reforça o absurdo na saúde e o descaso. Em nosso grupo, existem mães que estão a meses e também anos esperando para seu filho ser atendido. Queremos que um planejamento seja feito e agora dia 30/08 onde iremos nos reunir com vários secretários para chegarmos a uma solução . 

A lei é clara e cabe ao poder público fazer valer, estaremos cobrando dia após dia e convidamos outras mães e responsáveis para se juntar a nossa causa . 

Art. 18. É assegurada atenção integral à saúde da pessoa com deficiência em todos os níveis de complexidade, por intermédio do SUS, garantido acesso universal e igualitário.

Não vamos nos calar, como fizemos até hoje. Somos mães cansadas, leoas que se preciso iremos ao ministério público, mas vamos ter o tratamento e inclusão adequado de nossas crianças .

Precisamos também que os autistas sejam inclusos nas filas de atendimento preferencial , ainda encontramos relutância em certos lugares.

 

Presidente : Isabelle Santana

 Coordenadora : Simone Mel

E mais de 35 mães formando a união na luta pelos nossos direitos

✓ Redação PH Bezerros